ANÁLISE: CD "OBEDIENCIA" novo disco da cantora CÉLIA SAKAMOTO (Gravadora Aliança)

domingo, 15 de abril de 2012

Análise do CD "Obediência" de Célia Sakamoto

Hoje iremos falar da belíssima produção do CD “Obediência” da cantora Célia Sakamoto.


Com 13 faixas o novo álbum da cantora está lindo, e apresenta a mais bela raiz pentecostal. Estima este ser um dos mais completos álbuns na carreira da adoradora.
Letras intensas, interpretação que nos traz ousadia, autoridade e unção. Sem falar da voz com entonação perfeita e melodias ritmadas, estes diferenciais se tornaram a marca registrada deste álbum.


A Produção musical quem assina é Melk Carvalhedo e o time de compositores é para literalmente ‘tirarmos o chapéu’: Moyses Cleyton, Samuel Mariano, Agailton Silva, Geraldo Guimarães, Rogério Junior, André Buenno e sua irmã Vanilda Borieri.

Logo na primeira canção do álbum já conseguimos notar a que Célia Sakamoto veio. O compositor Moises Cleyton traz “O Veredito”, para aqueles que acham que suas causas são impossíveis. Tão bela canção que acabou virando o hit do CD, sendo uma das principais canções do álbum.


É sob a assinatura de Samuel Mariano que a segunda música do CD Obediência vem falar sobre o “Inexplicável”. Canção com composição forte e que também já conquistou o Brasil.

Vanilda Bordieri assina a canção que deu título a este trabalho, “Obediência”. Quero ressaltar aqui, a excelência de Vanilda Bordieri como compositora e também a interpretação exuberante de Célia Sakamoto nesta canção.

A letra retrata a Obediência ao Senhor de uma forma bem ampla, alcançando todos os meios que nos fazem lembrar de Obediência


Usar passagens bíblicas em suas composições é a marca registrada de Agailton Silva. Não foi diferente na música que recebeu o título de “Cem por Cento”. Essa canção fala da Passagem que está em II Reis 20, em que o profeta Isaías fala ao rei Ezequias de como seria sua morte e em seguida, mandado por Deus, volta e fala dos quinze anos acrescentados aos seus dias. Tremendo não é?

Célia Sakamoto também é compositora e fez muito bem ao assinar a quinta canção do álbum, “Mostra-me Tua Glória”. Destaque para o arranjo que Melk usou neste hino, e também para a composição que nos inspira ao quebrantamento. Fala das perdas e dos danos sofridos e clama pela Cura das feridas, seguido do pedido de mudanças que somente Deus pode fazer.

Neste álbum a segunda e última assinatura de Vanilda Bordieri está na composição de “Bem melhor”. Vanilda se lembra da história do aleijado do tanque de Betesda. Sua mensagem principal é a esperança. "... Quando Ele quer agir, quando quer operar..."

“Obra Prima” - Deus usou o jovem, talentoso e ungido Rogério Junior pra assinar esta melodia que fala da importância do homem na Criação, do seu chamado pra ser adorador e da incansável investida do inferno pra tentar destruir essa Verdade.

Samuel Mariano relembra algumas passagens bíblias na canção que recebeu o título de: “Chamado”. Um chamado de Deus faz a diferença na vida de todo ser humano e ser revelado há um chamado é algo primordial.
Letra exuberante e emocionante.


A faixa de número ‘9’ do álbum é “Sou Livre” – Letra tocante e que transpira unção. Traz a mensagem de Liberdade do homem, que é lavado pelo Sangue de Cristo e de que tudo se faz novo. A autoria é de Geraldo Guimarães.

“Cristo está vivo”, possui arranjos que estão na mais bela raiz pentecostal, sem dúvidas é uma linda composição de Moyses Cleyton. Carrega a Mensagem da crucificação, morte e ressurreição de Cristo e afirma que Ele está Vivo! É simplesmente emocionante!

Agailton Silva apostou em um título forte e impactante para sua composição, “Impacto do Grito”. Mensagem e refrão para literalmente ficarmos sem fôlego! Sem contar que as músicas do Agailton e os arranjos do Melk parecem que nasceram um para o outro, porque se encaixam muito bem!

Para dizer que somos feitos como a “Imagem e semelhança” do Criador, Moyses Cleyton traz nesta composição a mensagem de que devemos seguir os Ensinamentos de Cristo: amar como Ele amou, perdoar como Ele perdoou, seguir o Evangelho que Ele pregou...
Moisés Cleyton caprichou nessa letra, que é também uma das mais belas do CD.

O álbum encerra com chave de ouro com a forte mensagem de “Salvação No Mar”, uma linda composição de André Buenno.
A letra fala dos que se perdem no mar da angústia, da depressão, do desprezo, mas que há Salvação no mar. E o nome dessa salvação é Jesus.

Bom galera, o CD está impactante e capaz de transformar e mudar muitas histórias. Melhor que ler as descrições desta matéria é sentir a emoção de cada composição.

Por isso, recomendo que comprem este álbum que está lindo!

contato@portalfilhosdorei.com.br




Fonte: http://www.portalfilhosdorei.com.br/2012/04/analise-do-cd-obediencia-de-celia.html#more

4 comentários:

ana silva disse...

célia Sakamoto sou muito fã da sua voz resumindo da sua pessoa a sua segunda voz com a cantora vanilda bordieri é o maximo que DEUS abençõe vocês. Um beijão!

maestro Elias Macedo-sp disse...

ILLUMINATI MALDITA!

Mauro Sérgio Oliveira Pereira disse...

Eu gostei da foto 📷 de sua japonesa! Cadê aquele vídeo 📹 que a Vanilda Bordieri fala: A Saka molhou toda? Vcs estavam em uma cidade da Europa.

Mauro Sérgio Oliveira Pereira disse...

Eu acho bom quando vcs duas estão juntas que é só alegria!

Postar um comentário